anúncio patrocinado
Notícias

Na última quinta-feira, 9, dois jogos atrasados movimentaram a I Copa Recra de Futsal

Publicado em 10 de Agosto de 2018.

Às 20h30, o Jandaia F.C, melhor time da competição e ainda invicto, enfrentou o FTC, pior time do campeonato e já eliminado.

Mostrando sua força ofensiva logo de cara, o Jandaia F.C abriu o placar aos 30 segundos de jogo, depois de um chute cruzado de Luis Otávio Silva.

A equipe ampliou com Robson Luis aos seis minutos, após uma bela troca de passes.

Mesmo jogando sem o artilheiro Vitor Andrade, o Jandaia F.C mostrou que o forte da equipe é o jogo coletivo e, antes de acabar o primeiro período, ainda marcou mais duas vezes.

Aos 12 minutos, Pedro Henrique Almeida recebeu a bola, fingiu que ia tocar, deslocou o goleiro e fez 3x0.

Um minuto depois, Jefferson Domingos chutou no ângulo, acertando a trave de dentro do gol para fazer o quarto.

Com a vantagem tranquila no placar, o Jandaia F.C voltou para o segundo período disposto a dar show.

Abusando das jogadas de efeito, a equipe logo fez o quinto. Depois do rebote de uma linda jogada, Luis Otávio Silva só teve o trabalho de empurrar para as redes e marcar seu segundo gol na partida.

O sexto saiu aos 15 minutos. Jefferson Domingos recebeu a bola depois de um corta-luz, tirou o goleiro com uma finta e marcou.

Antes do final do jogo, o Jandaia F.C ainda fez mais um gol. Depois de uma triangulação perfeita do ataque, Robson Luiz deu números finais à partida: 7x0.

Com o resultado, o Jandaia F.C terminou a fase de grupos com 100% de aproveitamento e em primeiro lugar no grupo 2. A equipe é dona do melhor ataque e da melhor defesa da competição.

Já o FTC se despede da competição sem somar nenhum ponto e amargar a lanterna do grupo 1.

O segundo jogo da noite ficou por conta do Botafogo Futsal, segundo colocado do grupo 2 e do All Star, que poderia assumir a terceira posição do grupo 1, caso vencesse.

O primeiro gol foi sair aos dois minutos. Depois de um chute fraco de Leandro Pimenta, o goleiro do All Star falhou e não conseguiu segurar a bola, que passou por entre suas mãos: 1x0 Botafogo.

Precisando do resultado, o All Star tentava rodar a bola e encontrar espaços para marcar. Porém, depois de uma saída de bola errada da defesa, Leandro Pimenta tabelou com o companheiro, fingiu o chute, limpou o goleiro e marcou 2x0.

Com a vantagem no placar, o Botafogo tentou controlar a partida e trocar mais passes. E foi justamente um erro de passe da equipe que originou o primeiro gol do All Star, no finalzinho do primeiro período.

Fabrício Uehara recuperou a bola, fez uma boa jogada individual e chutou. A bola ainda pegou em uma das traves antes de entrar: 2x1.

No segundo tempo, o equilíbrio prevaleceu. O All Star buscava a todo custo o empate e o Botafogo queria de qualquer maneira o terceiro gol para ficar mais tranquilo na partida.

E quem conseguiu marcar primeiro foi o Botafogo. Leandro Pimenta, saiu driblando desde o campo de defesa e chutou da lateral da quadra no ângulo do goleiro: 3x1.

O quarto gol da equipe saiu logo em seguida. Depois do chute, a bola sobrou para Cesar Augusto Ribeiro, que encheu o pé.

Com o placar desfavorável, a equipe do All Star se deixou levar pelo nervosismo e começou a cometer muitas faltas, chegando ao limite de 5 infrações no período.

Apesar disso, a equipe ainda conseguiu descontar com Bruno Augusto de Jesus, após boa troca de passes: 4x2.

Porém, dois minutos depois, o time cometeu sua sexta falta, dando direito à um tiro livre direto para o adversário. Fábio Pimenta, vice-artilheiro da competição aproveitou e marcou o quinto gol do Botafogo, dando números finais à partida.

Com o resultado, o Botafogo termina a fase de grupos na segunda colocação do grupo 2, atrás do Jandaia F.C.

O All Star, com a derrota, permanece em quarto no grupo 1. A equipe, entretanto, ainda terá mais uma chance de ficar em terceiro, já que pega o P.J.C na terça-feira, 14, no último jogo da fase de grupos da competição.

Compartilhe: