anúncio patrocinado
Notícias

No último sábado, 18, dois jogos deram o pontapé inicial nas quartas de final da I Copa Recra de Futsal.

Publicado em 21 de Agosto de 2018.

 

No jogo de abertura, às 15h, o Juventude F.C, segundo colocado do grupo 1 enfrentou o CDD, terceiro colocado do grupo 1.O primeiro gol saiu aos quatro minutos. A equipe do CDD, em uma desatenção, fez o segundo recuo para o goleiro e cedeu um tiro livre indireto ao Juventude. Com uma jogada ensaiada, Gustavo Cucolicchio abriu o placar.Mas não deu tempo nem de comemorar. Na saída de bola, Roger Nascimento chutou forte do meio de campo para empatar para o CDD.O gol não abalou o Juventude. Um minuto depois, a equipe encaixou um bom contra-ataque e Jonatan dos Santos encheu o pé para fazer o segundo, após uma bola rolada para trás.Depois de três gols em um minuto, o jogo deu uma acalmada. Até que aos oito minutos, Ricardo Januário recebeu no canto da quadra, cortou para o meio e chutou. A bola ainda bateu na trave antes de entrar: Juventude 3x1.Só dava Juventude. Aos 11 minutos, Jonatan dos Santos marcou mais um. Ele recebeu uma bola rolada e chutou de chapa, rasteiro, no cantinho. Com a desvantagem no placar, o CDD foi atrás de diminuir o prejuízo antes do fim do primeiro período. Aos 13 minutos, Roger Nascimento foi lançado, dominou a bola no peito, ganhou do marcador na força física e chutou embaixo das pernas do goleiro.Principal jogador do CDD na partida, Roger Nascimento fez seu terceiro gol no jogo. Depois de mais um lançamento, ele dominou e já chutou para marcar.

 

Embalado com a reação, o CDD foi com tudo para conseguir o empate. Um minuto depois, Maurício Teixeira fez boa jogada individual, adiantou a bola e encheu o pé para fazer o quarto da equipe no finalzinho do primeiro tempo. Com o placar empatado, o segundo período tinha tudo para ser emocionante. E logo no começo o Juventude reagiu.Depois de boa troca de passes, o atacante fez bem o pivô e tocou para Maurício Cesario desempatar a partida: 5x4 Juventude. O sexto saiu logo em seguida. Depois do escanteio, a bola foi cruzada na área e Jonatan dos Santos marcou seu terceiro gol no jogo depois de um chute de primeira.A desvantagem no placar, porém, não desanimou o CDD. A equipe diminuiu poucos segundos depois. Em uma jogada individual, Maurício Teixeira passou no meio de dois marcadores e fez o quinto.O jogo estava lá e cá e em outro lance de escanteio, o Juventude fez o sétimo.

 

A bola foi rolada para o goleiro, que chutou forte. No meio do caminho, Felipe Valestero esticou a perna para desviar para o fundo das redes.Com o gol tomado, o CDD mais uma vez teve que correr atrás do prejuízo para não ver a diferença aumentar. Depois de uma bobeada do zagueiro do Juventude, que quis driblar dentro da área, Lucas Honorato foi esperto, tomou a bola e fez o sexto da equipe.A partir daí, a partida mudou. O Juventude emplacou uma sequência de três gols sem resposta do CDD.Em um chute rasteiro do canto da quadra, Michel Monteverde fez o oitavo. O nono saiu depois de bela jogada individual de Gustavo Cucolicchio que tocou para Matheus Frattin marcar. E o décimo veio depois de uma ótima troca de passes que terminou com o gol de Ricardo Januário.

 

A equipe do CDD desanimou e diminuiu a intensidade. Os jogadores, nervosos, não conseguiam reagir. O jogo estava nas mãos do Juventude.Apesar disso, depois de uma cobrança de lateral errada, Carlos Fernando recuperou a bola e marcou o sétimo do CDD.Sem dar chance para uma possível reação, o Juventude, marcou mais dois gols. Depois de um toque de Gustavo Cucolicchio nas costas da zaga do CDD, Matheus Frattin recebeu e chutou cruzado para fazer o 11º.O 12º saiu depois de outra boa jogada individual de Gustavo Cucolicchio, que tocou para Matheus Frattin só empurrar para o fundo das redes e marcar seu terceiro gol no jogo.Sem chance de conseguir o empate, o CDD ainda marcou mais um gol antes do fim do jogo. Em um contra-ataque, Carlos Fernando recebeu, cortou para dentro e fez o oitavo.Com o resultado, o Juventude se classificou para as semis e o CDD deu adeus à competição.O segundo jogo da tarde ficou por conta de Jandaia F.C, primeiro colocado do grupo 2 e Atlético RP, quarto colocado do grupo 2. E que jogo!Logo no começo, um drama. A equipe do Atlético RP teve que entrar em quadra com vários reservas por conta do atraso de alguns jogadores.O Jandaia aproveitou e marcou o primeiro gol da partida aos dois minutos. Kelvin Sabino arriscou um chute de longe e o goleiro do Atlético aceitou.Com os jogadores chegando e entrando, o Atlético, aos poucos, conseguiu equilibrar a partida.

 

Aos sete minutos, Pedro Gabriel empatou, depois de receber a bola rolada pelo pivô.Com muita intensidade, o jogo era lá e cá. Até que aos nove minutos, Renan Gonçalves deu um belo corte no jogador do Atlético, que passou lotado, e fez Jandaia 2x1.Com a desvantagem no placar, o Atlético partiu pra cima. Já o Jandaia, tentava administrar o jogo.E quem marcou mais uma vez foi o Jandaia. Depois de um chute de bico de longe de Kelvin Sabino, o goleiro do Atlético falhou mais uma vez: 3x1.Depois do gol, o jogo começou a ficar nervoso. Apesar disso, o Atlético conseguiu esfriar a cabeça e buscou o empate.Em um contra-ataque, Alessandro da Silva chutou rasteiro no canto para fazer o segundo. O terceiro saiu logo em seguida e foi um golaço. Andre da Silva partiu em velocidade do campo de defesa, driblou os marcadores e fez 3x3 no final do primeiro período.O segundo período teve início e o jogo continuou tenso, com vários cartões amarelos sendo distribuídos. A equipe do Jandaia, assustada com a reação do Atlético, não conseguia imprimir seu bom futebol e, com isso, acabou sendo castigada.Depois de grande jogada individual, Adriano da Silva cortou para o meio e chutou forte para virar o jogo: Atlético 4x3, deixando o Jandaia pela primeira vez atrás do placar na competição.Precisando de uma reação, a equipe do Jandaia contou com a estrela do artilheiro Vitor Andrade, até então apagado no jogo.Em um jogada individual, Romário Souza chamou o marcador para dançar, foi até o fundo e cruzou. Vitor Andrade chegou chutando e deixou tudo igual novamente.

 

A partir daí, o Jandaia começou a pressionar o Atlético. Depois de uma saída de bola errada, Renan Gonçalves chutou no travessão e, no rebote, a bola caiu nos pés de Vitor Andrade, que chutou forte para fazer 5x4.Mais uma vez atrás do placar e com o final do jogo se aproximando, o Atlético partiu para o tudo ou nada.Apesar da pressão, quem marcou mais uma vez foi Vitor Andrade, dando números finais à partida. Ele recebeu um lançamento longo e chutou cruzado, embaixo das pernas do goleiro. Na comemoração, o jogador saiu provocando a torcida do Atlético.Com o resultado, o Jandaia passou para a semifinal e vai enfrentar o Juventude. Já o Atlético foi eliminado da competição.

Compartilhe: